Translate

sexta-feira, 2 de agosto de 2013

É melhor dispensar o taxi ???

“É melhor dispensar o taxi”, disse o médico, depois que viu a radiografia.

“Não, doutor, vou de taxi me encontrar com meus amigos e tomar uma cervejinha”

Mané cervejinha....

Meu pé havia quebrado feio, segundo a radiografia, com direito a cirurgia, pinos de metal e tudo. Semanas de gesso, curativo e cadeira de rodas me esperavam pela frente.
Meu mundo para fotografar era meu quarto...

Tênis só do pé direito

Uma bagança embaixo da cama

Um herói


...  e o que eu via da minha janela.


objetos voadores

do outro lado da rua, um parquinho e duas bikes abandonadas...

chuva na janela

reflexo do reflexo

chegou pertinho, no parapeito da minha janela...

parou de chover...
 Mas foi bom, estudei, pesquisei mais.

Lindos pores-do-sol

Lindo !!!

E experimentos de efeitos no photoshop

Mais photoshop


Depois comecei a andar de muletas e o mundo se abriu mais um pouco, mas não é fácil carregar uma câmera no pescoço, dando pulinhos (necessários para se andar de muletas).

De baixo pra cima

credo !!

Foco no poste

Mão pesada no photoshop



Trinta longos dias depois, eu já estava sem gesso, curativos e muletas. 

Tratei de me matricular em outro curso de fotografia. O irônico é que a escola tinha uma escada ‘imeeeensa’, com muuuuitos degraus para se chegar às salas de aula. Perguntei à atendente pelo telefone:

“Não tem elevador?”

“Não”

“É que eu estou em recuperação de um pé quebrado.”

“É? Então é melhor ‘a senhora’  SE MATRICULAR NO ANO QUE VEM...”

Existe uma infinidade de vantagens de se começar uma nova profissão, depois da maturidade (ou depois de estar ‘véinha’ mesmo), mas as melhores são:

- os NÃOS são mais fáceis de ouvir;

- os elogios são bem-vindos, mas com reservas;

- e não existe isso de SE MATRICULAR NO ANO QUE VEM...(sendo bem fácil mandar um sonoro TOMÁNOCÚ pra quem fala isso...)

Então, bora subir as escadas da escola , com cuidado e empolgação...

4 comentários: